Olá, primavera!

Quando nos perguntam: “qual é a tua estação do ano favorita”, automaticamente respondemos: a estação associada a imagens arquivadas de afectividade, nostalgia e, acima de tudo, de história. É mais esperada, menos imposta. Logo, mais vivida!

A primavera começou na terça-feira. Este início assinala o regresso da cor, da inspiração e da luz ao quotidiano dos sentidos. Os próximos meses serão de sensibilidade, numa fusão perfeita entre a mudança, numa direcção mais humana, mais genuína e mais atrevida. Descobrindo que não influenciamos as estações, as estações influenciam-nos. Mas será mesmo assim?

Com a chegada do verão, chegam também a vontade de ousar e de abusar. No entanto, quando a temperatura diminui a melancolia é a palavra de ordem no outono. A queda das folhas impulsiona uma palete de cores e uma mixórdia de estados mentais e emocionais. O calor está longe da vista, mas a história permanece colada à estação.

O inverno é introspecção. Frio por fora, quente por dentro. Onde se conclui que as estações caminham sempre acompanhadas por imagens. Pedaços de memórias que resultam de uma história que não significa, necessariamente, apenas a chegada de  uma estação.

Bem-vinda primavera. Vamos criar mais uma história?

 

Untitled

Anúncios

Publicado por

O Blog Dia de Mudança relata o caminho de uma jovem de 25 anos desde o momento em que descobre que tem um Linfoma de Burkitt até à atualidade, onde demonstra como o corpo e a mente recuperam após meses de tratamentos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s