Crescemos com tudo isto!

E se de repente perdesses tudo? Como é possível viver com a destruição súbita, a chama imprevisível e a esperança no nada? Vive-se do que resta ou aprendesse a viver, de novo? Nem sempre é fácil…

Este fim-de-semana o “jardim à beira-mar plantado” ardeu. Incêndios florestais que ameaçaram as populações e os seus bens; descontrolaram os meios e as notícias e trouxeram a morte iminente. E com ela, apareceu a entre-ajuda, o choro do apego e o empenho do combate desequilibrado. É, por isso, incompreensível.

Uma condição meteorológica ou criminosa atearam uma tragédia inimaginável. Capaz de destruir o património. Destruir objetivos. Destruir a estabilidade. Destruir famílias. Destruir o início, o meio e o fim de alguém. Porém, ela não conseguiu destruir a tua vontade de viver.

Por esse motivo, recupera um novo ponto de partida. Recompõe o teu interior. Volta a acreditar na fé, na esperança e no poder do sonho. Relembra o amor, a coragem e a força das últimas noites. Transforma a revolta, o azar e a vingança numa oportunidade para melhorar a tua passagem aqui. Mostra às chamas que da calamidade restou, apenas, um enorme crescimento.

Vamos recomeçar?

Lusa Paulo Novais

Foto: LUSA/Paulo Novais

 

Anúncios

Publicado por

O Blog Dia de Mudança relata o caminho de uma jovem de 25 anos desde o momento em que descobre que tem um Linfoma de Burkitt até à atualidade, onde demonstra como o corpo e a mente recuperam após meses de tratamentos.

One thought on “Crescemos com tudo isto!

  1. Ola Gabriela. Só perde quem tem. Quem nada tem, nem a esperança de vir a ter lhe pode ser retirado. A natureza refas-se. A força dos que lutaram contra este gigante, recupera-se. As casas, voltam a erguer-se. “Nada se perde…tudo se transforma”, mas existe algo que nenhuma força poder refazer ou apagar da memória…os que deixaram de existir. Para nós, os outros, os espectadores, eles apenas viverão enquanto os recordarmos, mas para aqueles que amavam, que partilhavam a vida com tudo que essa partilha implica ou supõe, nem o tempo consegue apagar da memória. As pessoas que amamos vivem eternamente dentro de nós enquanto nós as amarmos. Enquanto as chorarmos com, ou sem lágrimas. A tua mensagem é muito bonita e encorajadora. Mensagem carregada de força e positivismo mas a dor, essa ficará gravada na lápide do NUNCA MAIS! Tua amiga Adelina

    Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s