O outro Lado – parte II!

Neste segundo post, quero falar-vos dos diversos lados da recuperação.

Os iluminados menosprezá-la-ão. Os sábios jamais entenderão a sua dimensão. Mas, as vozes sobreviventes reconhecê-la-ão como a promotora de um vasto leque de imprevistos, de tentativas e de esforços, onde a estabilidade surge como um projeto a longo prazo. Penso eu…

E é a partir daqui que a determinação e o sonho alcançam a sua relevância. Idealizarás como será o teu cabelo, o teu aspecto, o regresso ao trabalho, as fobias e, o mais importante, a vida daí em diante. Seguramente terás direito aos 60% de incapacidade mas, com certeza sentir-te-ás mais capaz do que nunca.

Tendo em conta os últimos progressos e a intenção de prevenir-te paras as eventuais situações fenomenais, resumi as principais mudanças do pós-quimio numa lista. Classificarás algumas como esquisitas, outros como ridículas e outros como salvaguardas. Mas, todos elas são consequência de um Cancro que marca efetivamente.

Vamos a isto…

1 – Medo de Conduzir.

Dir-te-ão que os acidentes ocorrem a qualquer mortal; que o jeito não se desaprende e, sobretudo, que já não há motivos para não ultrapassares esta fobia. Contestarás, recusarás e apelarás com diversos acontecimentos fulminantes ou ses criativos. Ainda assim, o teu “taxista” convencer-te-á a voltar ao lugar de condutor. E assim, deixarás de afrontar a emancipação feminina.

2 – (des)Empregada.

De acordo, com o estipulado- ainda não sei bem aonde-, comentarão que a tua recuperação deveria ocupar-se com o stress, as tarefas e as responsabilidades do mundo laboral. Caso, não o faças assumir-te-ás como alguém que só quer boa vida ou um oportunista que vive às custas do Estado ou de um desgraçado. Apesar de infeliz, poderás sempre divulgar as tuas capacidades como fada do lar. E, além disso essa não é a nossa verdadeira função?!

3 – Cabelo.

Terás 2 momentos para gracejar. O primeiro será quando careca te apelidarão como a coitadinha. E, o segundo surgirá quando o teu cabelo, em crescimento, te transformará na miúda radical. Decidam-se, por favor…

4 – Socialmente.

Ainda que seja,  só um simples café não te livrarás de repetir o quando, o onde e o como foi. Perceberás que já não há aversão ao contágio mas, há uma praga de questões exaustivas e uma peste de consciência arrependida. Contudo, sorrirás e dirás que infelizmente, a tua memória não sofreu nenhum dano.

Foi difícil, superar tudo isto. Mas, foi fácil compreender que tudo isto travava a lista para RECOMEÇAR!

Fat woman looking in mirror and seeing herself as slim and young

Anúncios

Publicado por

O Blog Dia de Mudança relata o caminho de uma jovem de 25 anos desde o momento em que descobre que tem um Linfoma de Burkitt até à atualidade, onde demonstra como o corpo e a mente recuperam após meses de tratamentos.

One thought on “O outro Lado – parte II!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s